“No fim, a mais desagradável das verdades é preferível à mais bela mentira” – Desaparecido para sempre

Hey,guys!

Espero que vocês estejam bem e essa coisa toda. Então, minha penúltima aquisição foi um livro do Harlan. E como vocês sabem (quem não sabia,vai saber agora) eu sou louca por suspense/romance policial. E todo mundo também sabe que eu amo a Agatha e comecei a gostar muito do Harlan uns tempos atrás. Agora eu declaro: Estou TOTALMENTE apaixonada por ele.

Pra quem quer conhecer mais Aqui está uma “resenha” que eu fiz de “Não conte a ninguém”. Falando nessa coisa de resenha,eu resolvi que não vou chamar o que faço de resenha ,porque vamos combinar passa longe disso e eu gosto do meu estilo de comentar o livro. ENTÃO, vamos comentar “Desaparecido para sempre”.

Sinopse: Will Klein, quando garoto, tinha um herói: seu irmão Ken. Eis que um dia, uma garota da vizinhança (ex-namorada de Will) é estuprada e brutalmente assassinada. E o pior: Ken é considerado o principal suspeito. Ken desaparece sem deixar pistas. Para aumentar ainda mais a tensão na vida de Will, sua namorada também desaparece. Além disso, alguém parece querer manter certos fatos sob sigilo a todo custo… O autor conduz o leitor às mais ardilosas viradas na trama. Um mistério que vai levá-lo ao mais surpreendente desfecho; um suspense que mostra a busca pelo assassino, pela vítima, pela verdade.

Uma palavra que descreve o livro: Surpreendente. Muito surpreendente. Como sempre o Harlan fez com que eu mergulhasse na história e devorasse o livro.

Confesso que no começo eu fiquei bastante assustada,por que nesse livro além de todo o drama ele tratou de um assunto  muito forte: A prostituição e a situação das pessoas que moram na rua e passam por esse tipo de coisa.E não sei se eu sou muito sensível (ou besta),mas eu fico pensando na situação dessas pessoas e fico um pouco mal. E ainda teve uns momentos que eu meio que fiquei chocada com a descrição de algumas coisas,mas isso a gente releva.

Uma característica do Harlan: Ele monta todo um drama e você mergulha nele e começa a fazer suposições achando que sabe TUDO que vai acontecer, ai do nada BUM ele te mostra um desfecho totalmente diferente daquele que você imaginava.

Esse livro além de todo o suspense e de te levar a imaginar como é a vida nas ruas, ele trata um pouco da máfia e essas coisas. Resumindo: Ação é o que não falta no livro,ok que o começo é meio monotóno,porém você esquece disso quando está com o livro na mão.  E se você está imaginando que o autor vai deixar algum ponto solto na história,você está totalmente enganado. Harlan explica tudo (na hora dele) e você não tem outra opção  que não seja pensar que o escritor é totalmente incrível.

Outra coisa que você aprende no livro: Nem sempre as coisas são o que parecem ser. Você começa a odiar um personagem, no meio do livro você quer matar ele com as suas próprias mão, no final do livro você começa a amar ele e se quase se bate por ter sido tão injusto.

Ás vezes eu fico pensando no que passa na mente de quem escreve essas histórias assim. Sério, tenho total admiração por quem dá conta de escrever assim.

E meninas, não se preocupem tem um tico de romance na história.

Sinceramente,não acho que tenha como se decepcionar com o livro. Indico pra todo mundo e espero que vocês também indiquem.  E pra quem está me perguntando sobre a capa: É bem legal. A editora é a Arqueiro e a linguagem do livro é bem fácil

Bem, como eu disse isso ficou meio longe de ser uma resenha. Mas, que se dane. hahahaha.

Você que gosta de Harlan, ou quem nunca leu SE MANIFESTE pra gente conversar. o/

Beijos,beijos

7 pensamentos sobre ““No fim, a mais desagradável das verdades é preferível à mais bela mentira” – Desaparecido para sempre

    • Hey,hey! Então do Harlan eu só li “Desaparecido para sempre ” e “Não conte a ninguém”. Os dois são ÓTIMOS. Sério. Mas além da Agatha (diva,linda e maravilhosa) eu li um livro chamado “Cilada” do John Rickards e apaixonei. Outro título muito famoso do Harlan é “Cilada” (sim,tem o mesmo nome do do John) e eu estou louca pra ler. Se você gosta mesmo desse gênero você TEM que ler Harlan Coben. E depois me falar o que achou o/

  1. O único contato que eu tive com Harlan é através de uma amiga que detestou “Confie em Mim”. haha Pra você ver como um autor pode despertar amor em uns e ódio em outros! (oi, Paulo Coelho)
    Acho que o jeito vai ser lê-lo eu mesmo pra tirar minhas conclusões. Que bom que ele é surpreendente, porque só pela sinopse, eu dificilmente animaria a ler “Desaparecido para Sempre” :X
    E adoro livros com reviravolta! ^^

    • Caro, Adônis. Eu na hora de comprar li a sinopse e pensei: O QUE É ISSO? Não gostei não. Porém, como eu disse o livro é surpreendente. Leia Harlan e depois me conte o que você achou xD

  2. Pingback: Livros lidos no mês de Abril | Desventuras em Books

  3. Acabei de ler o livro “Desaparecido para sempre” toou meio que digerindo ainda esse final que me Surpreendeu Muitoooo, esse é o Primeiro livro que leio do Harlan e Já gostei Pakas. Comprei recentemente “Que falta você me faz” de Harlan vou começar a ler.
    Caraca você citou aí nessa sua “resenha” a questão de odear o personagem, eu concordo plenamente com você kkk eu ODIAVA o Asselta mais no final ele acabou me surpreendendo

    • Hey Amós!
      Que bom que você gostou! Estou precisando reler este livro, vou colocar na listinha das férias. Harlan sempre surpreende, depois dessa resenha li mais alguns deles e estou tentando montar minha coleção, mas uma coisa te digo: Harlan Coben não costuma decepcionar as pessoas.hahahaha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s